Inaugurada em 1938
Capela Nossa Senhora dos Milagres “80 anos de existência”
07-11-2018 | por António Gomes Costa
A paróquia de S. João da Madeira e a comissão zeladora do Parque, assinalaram, dia 6, em festa, os 80 anos da inauguração da Capela Nossa Senhora dos Milagres. Um espaço “especial nos corações” dos sanjoanenses.
Estatísticas

284 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar
Mais fotos

“Este espaço merece continuar a ser um lugar especial nos corações sanjoanenses e, concretamente, nos católicos”. É desta forma que Álvaro Rocha, padre de S. João da Madeira se refere à comemoração dos 80 anos da Capela de Nossa Senhora dos Milagres, Santuário localizado no Parque Nossa Senhora dos Milagres, que decorreu na passada terça-feira, dia, 6.
Nesse dia, e para assinalar o acontecimento a paróquia e a comissão zeladora do Parque de Nossa Senhora dos Milagres levaram a efeito a celebração do terço, seguindo-se a eucaristia. Na homilia, Álvaro Rocha transmitiu uma mensagem de “grande” conforto espiritual por “termos esta mãe, zelosa e intercessora. A olhar para nós e a olhar por nós. A olhar para o Filho para que também olhemos para Ele”. No decorrer da celebração convidou os muitos fiéis a percorrerem juntos “o mesmo caminho de Maria na sua relação com o Filho, para podermos também nós recebermos as graças que a esta nossa mãe recebeu”.
Em declarações a ‘O Regional’, Álvaro Rocha, não escondeu a satisfação em ver a cidade de S. João da Madeira “afirmar a sua devoção a Nossa Senhora” uma vez que três das quatro capelas são-lhe dedicadas. “E temos de continuar a honrar a devoção que os nossos antepassados lhe devotaram ao erguer esta capela que completa 80 anos de existência. E pergunto-me: se há 80 anos um grupo dinamizou esta obra, que podemos ou devemos fazer hoje para que ela continue a ser gloriosa?”, questiona o pároco.
A festa de aniversário continua no próximo Domingo, dia 11, com a celebração de uma eucaristia presidida pelo abade sanjoanense em memória de todos os fundadores e benfeitores do santuário. No fim da celebração, será colocado um ramo de flores no Monumento dos Fundadores.
Recorde-se que a Capela Nossa Senhora dos Milagres foi construída com donativos dos sanjoanenses e inaugurada pelo Bispo do Porto da altura, António Augusto de Castro Meireles.
Trata-se de um edifício arquitetónico que remonta ao neo-romântico, tendo na fachada do edifício a imagem de Cristo crucificado, em mármore e no interior do templo existe uma imagem, em madeira, de nossa senhora dos Milagres.

 

Comentar

Anónimo