Primeiro teste encheu o balão da esperança
13-09-2018
Estatísticas

535 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar
Mais fotos

Foi com uma derrota pela margem mínima (4-3), frente à poderosíssima Oliveirense, que a Sanjoanense mostrou os primeiros sinais de pré-temporada aos sócios e simpatizantes. Em jogo estava o acesso à final do Torneio Cinquentenário da AP Aveiro e o dérbie parecia mais um encontro de campeonato do que um amigável.
A intensidade foi alta e, apesar de ter apenas cinco treinos contra um conjunto que está a treinar desde 20 de agosto, os alvinegros apoiaram-se na garra e na motivação para esbaterem as diferenças, mesmo não contando com Alex Mount, atleta a recuperar de uma cirurgia ao nariz.
Na primeira parte, e apesar da natural superioridade do vizinho, que voltou a reforçar-se para atacar o título de campeão da I Divisão, a Sanjoanense conseguiu chegar ao intervalo com o resultado a zeros, contando, para isso, com a ajuda da excelente exibição do guarda-redes Tiago Rodrigues, jogador que está emprestado precisamente pela Oliveirense.
Na segunda parte apareceram os golos e o primeiro foi preto e branco, para alegria das cerca de três centenas de sanjoanenses que compuseram o Caldeirão. José Almeida (4’) aproveitou uma bola perdida e rematou de primeira, surpreendendo Xavi Pugibi. No minuto seguinte, Marc Torra empatou. No entanto, e apesar do cansaço que se fazia sentir entre os alvinegros, o capitão Afonso Santos, isolado, fez o 2-1 e recolocou a Sanjoanense na frente. Marc Torra bisou e empatou (11’) para, José Almeida, de livre-direto fazer o 3-2 (16’). Pablo Cancela, aos 19’, fez o três igual na conversão de um livre direto.
Nem um minuto volvido, Pedro Cerqueira viu um duvidoso cartão azul e o mesmo Pablo Cancela, desta vez, não conseguiu bater Bernardo Moreira. A jogar em power-play, a Oliveirense decidiu a partida.
A partida era a brincar, mas a exibição da Sanjoa­nense foi bem a sério e deixou sinais muito prometedores para a temporada que se avizinha.

 

Torneio Cinquentenário AP Aveiro
Sanjoanense, 3 - Oliveirense, 4


Pavilhão dos Desportos, São João da Madeira
Árbitros: Manuel Oliveira e André Portal (AP Aveiro)

Sanjoanense: Tiago Rodrigues, Pedro Cerqueira, Tiago Almeida, Afonso Santos (C) e José Almeida
Jogaram ainda: Bernardo Moreira, Pedro Rego, João Cruz, Duarte Terra e Alex Barreira
Treinador: Miguel Resende

Oliveirense: Domingos Pinho; Xavi Barroso, Jordi Bargalló, Jorge Silva e Marc Torra
Jogaram ainda: Xavi Puigbi, Emanuel Garcia, Ricardo Barreiros e Pablo Cancela
Treinador: Renato Garrido

Intervalo: 0-0
1-0 José Almeida, 4’, 2.ª parte
1-1 Marc Torra, 5’, 2.ª parte
2-1 Afonso Santos, 7’, 2.ª parte
2-2 Marc Torra, 11’, 2.ª parte
3-2 José Almeida, LD, 10.ª falta, 16’, 2.ª parte
3-3 Pablo Cancela, LD, 10.ª falta, 19’, 2.ª parte
3-4 Pablo Cancela, 20’, 2.ª parte

Faltas: 11-11

 

Sanjoanense na apresentação da Escola Livre

Depois do jogo-treino com a Oliveirense, a Sanjoanense irá, no sábado, fazer a apresentação da Escola Livre de Azeméis, equipa da III Divisão. O jogo inicia-se às 17h00 e a entrada é gratuita.
 

Comentar

Anónimo