Academia de Música
Balanço de um ano letivo
02-08-2018 | por José Resende
Estatísticas

134 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Foi no já distante dia 27 de julho de 1981 que, pelo Ministério da Educação, foi concedida autorização provisória (mais tarde tornada definitiva) de funcionamento à Academia de Música de S. João da Madeira, escola com Autonomia Pedagógica que ministra cursos vocacionais de música no âmbito do Ensino Artístico Especializado.
Neste último ano letivo (o 37.º da sua existência) foi executado um Plano de Atividades rico, não só em número, mas também em qualidade, revelando as aptidões artísticas de muitos dos seus alunos e a dedicação dos seus professores.
Para além das aulas curriculares ministradas a cerca de 200 alunos, foram também realizadas, no auditório da Academia, múltiplas atividades, nomeadamente, 37 audições de classe, oito concertos, um Concurso Interno de Interpretação, dois Masterclasses (saxofone e piano), duas ações de divulgação da instituição, bem como a realização do 2.º Estágio para Orquestra de Sopros da Academia de Música de S. João da Madeira, que foi frequentado, para além dos nossos alunos da orquestra de sopros, por mais 32 alunos de outras escolas do norte e centro do país.
Fora de portas, a Academia de Música realizou três grandes concertos na Casa da Criatividade, marcou presença em seis eventos da responsabilidade da autarquia e em oito eventos solidários em colaboração com outras entidades locais. Realce para 11 jovens alunos de Piano que participaram no “Tributo a D. Helena Sá e Costa – Maratona de Teclistas”, na Casa da Música do Porto.
Igualmente merecedora de destaque foi a presença de vários alunos em concursos nacionais e internacionais externos, tendo sido alcançados alguns prémios que atestam a qualidade do ensino ministrado na Academia sanjoanense. Realce para o aluno Alexandre Coutinho Silva (Piano), que conquistou uma menção honrosa - Categoria D, no Concurso Internacional de Piano da Escola de Música S. Teotónio (Coimbra), um terceiro prémio – Categoria C, no Concurso Nacional de Piano do Conservatório de Música de Coimbra e ainda um segundo prémio - Categoria C, no Concurso de Piano da Póvoa do Varzim; a merecer igual destaque a aluna Sofia Paiva (Guitarra), que conquistou uma menção honrosa – Categoria D, no Concurso Internacional de Guitarra de Amarante.
A todos os professores, alunos, funcionárias e encarregados de educação (nomeadamente à associação de pais) a direção da Academia de Música manifesta um profundo reconhecimento pelo trabalho realizado e que muito contribuiu para os êxitos alcançados.
 

Comentar

Anónimo