Inscrições arrancam na próxima segunda-feira, dia 16, em S. João da Madeira
Herman José vai animar mais de seis mil avós
12-07-2018 | por António Gomes Costa
A 12.ª edição do Dia Metropolitano dos Avós volta a realizar-se este ano em Santa Maria da Feira e deverá estar representada por 300 sanjoanenses, que se vão juntar aos mais de seis mil vindos dos 16 municípios da Área Metropolitana do Porto. As inscrições arrancam no próximo dia 16. O encontro terá como cabeça de cartaz o humorista Herman José, que considera tratar-se de um evento de “grande justiça”.
Estatísticas

1380 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

É assim há 12 anos e envolve os avós da Área Metropolitana do Porto. No próximo dia 26 de Julho, o Centro de Congressos do Europarque, em Santa Maria da Feira, volta a receber cerca de 6.500 avós, em mais uma edição do Dia Metropolitano dos Avós, uma homenagem a alguém que continua a ter cada vez mais um papel insubstituível no seio familiar.
Este ano, a “festa” terá como cabeça de cartaz o humorista Herman José. O termo “idosos” não agrada ao “verdadeiro artista”, uma vez que “eu próprio vou a caminho dos setenta e posso garantir que a idade que verdadeiramente conta é a do espírito”, assumiu à nossa reportagem. É essa festa que garante querer fazer em Santa Maria da Feira. “Uma homenagem à alegria de viver e, sobretudo, de ter tido o privilégio máximo de uma vida longa. O facto de ser a norte, ainda torna a coisa mais empolgante: não há público mais efusivo e grato!”, diz ainda o apresentador.
Este não será um espetáculo muito diferente dos habituais de Herman, com muita música e, “sobretudo, muitas gargalhadas, acompanhado por um quarteto de músicos de luxo”. Mas o artista não vem sozinho. Há quatro personagens que o acompanham sempre nos seus espetáculos: o inevitável José Esteves (que joga em casa), o Nelo, que faz um telefonema para a filha Aidinha, agora com 20 anos, o Senhor Feliz (numa homenagem ao Nicolau Breyner) e o final efusivo com o imortal Serafim Saudade.


“Viver cada minuto como se fosse o último”

Quanto ao evento, Herman considera que o mesmo é de uma “grande justiça homenagear cidadãos que merecem, mais do que nunca, sentirem-se vivos e respeitados”. E, em jeito de mensagem final, assegura: “vamos viver cada minuto como se fosse o último, com humor, tolerância e bondade. Estar vivo é uma bênção maior: há que nunca subvalorizar esse privilégio”, remata o humorista.
Este ano, a organização voltou a apostar na cidade feirense para ser a anfitriã daquele que é, muito provavelmente, o maior evento organizado pela (AMP). Em declarações à nossa reportagem, referem que, em reunião de Conselho Metropolitano do Porto, “é questionado o desejo da organização, por parte dos municípios deste evento, salvaguardando as necessidades e condições específicas, quer em termos de segurança, quer em termos de lotação, associadas ao Dia Metropolitano dos Avós”. Mais uma vez, o Município de Santa Maria da Feira “mostrou interesse e disponibilidade em acolher o evento que, à semelhança dos anos anteriores, é o que oferece melhores condições para a sua realização”, anunciam.
Todos os anos, cerca de 300 avós sanjoanenses participam no encontro que reúne avós de 16 municípios da (AMP). Porto, Vila Nova de Gaia, Arouca, Espinho, Gondomar, Maia, Oliveira de Azeméis, Paredes, Póvoa de Varzim, Santa Maria da Feira, Santo Tirso, S. João da Madeira, Vale de Cambra, Valongo e Vila do Conde], à exceção de Matosinhos, que, como em edições anteriores, volta a não participar.
Emídio Sousa, presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, referiu à nossa reportagem que a escolha do Europarque foi feita pela Área Metropolitana do Porto, “pois os idosos querem que seja neste equipamento, devido às excelentes condições”, enfatizou o autarca.

Inscrições abrem dia 16  

A iniciativa, que há muito é reconhecida como um sucesso, pretende, assim, fomentar as redes de solidariedade e de convívio daquela geração, celebrando a experiência de vida dos avós que vão chegar até Santa Maria da Feira distribuídos por mais de 100 autocarros.
Recorde-se que o Dia Metropolitano dos Avós pretende promover as redes de solidariedade e de convívio comunitário, celebrando a experiência de vida dos avós.
Mais uma vez, a Câmara Municipal de S. João da Madeira convida os Avós Sanjoanenses a participarem no convívio. Os interessados devem efectuar a sua inscrição na Divisão de Acção Social e Inclusão da Câmara Municipal de S. João da Madeira, nos próximos dias 16, 17 e 18 de Julho, fazendo prova de que são efectivamente avós. No ato da inscrição é necessária a apresentação do Cartão de eleitor; Bilhete de Identidade ou Cartão de Cidadão; Bilhetes de Identidade ou Cartões de Cidadão de um filho/filha e de um neto/neta.
 

Comentar

Anónimo