CERCI assinala Dia da Pessoa com Deficiência com espectáculo solidário
“Conseguimos mais um passo na promoção da desmistificação da deficiência”
07-12-2017 | por António Gomes Costa
O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência foi assinalado em S. João da Madeira com um espectáculo que envolveu a cidade, na Casa da Criatividade. A CERCI e o Município pretenderam assinalar a data, sensibilizando os cidadãos para a condição da pessoa portadora de deficiência. A organização garante que foi dado mais um passo na promoção da desmistificação da deficiência.
Estatísticas

404 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Os dados foram lançados o ano passado. A CERCI prometeu dar seguimento ao projecto e assim fez. A Casa da Criatividade, em S. João da Madeira, recebeu no último domingo, dia 3, um espetáculo solidário de valorização da diferença e da diversidade, assinalando o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência.
Com o lema «A Cidade da Diversidade apresenta a Magia do Movimento», a iniciativa juntou CERCI e a Câmara Municipal de S. João da Madeira, em parceria com os agrupamentos escolares e diversas outras instituições sanjoanenses. “Queríamos criar um marco para a Cidade, onde o conceito de deficiência é desmistificado, onde se promove a valorização da diferença e onde se acolhe a diversidade”, assumiu Sandra Oliveira, da organização.
Neste espectáculo, todos se uniram a esta “corrente de entusiasmo e promoção da inclusão”, num evento onde não faltou a “diversidade de idades, diversidade de entidades, diversidade de tipos de apresentação de dança, canto, expressão, teatro, música e também a diversidade de personalidades”.
A maior sala de espectáculos de S. João da Madeira foi pequena para acolher as muitas pessoas que aceitaram o desafio da organização. “Os bilhetes esgotaram poucos dias depois após serem colocados à venda, não sendo sequer necessária a venda on-line, nem a impressão de cartazes para efeitos de publicidade em variados locais”.
Pelo palco da Casa da Criatividade passaram a CERCI, os Agrupamentos de Escolas Dr. Serafim Leite, João da Silva Correia e Oliveira Júnior, Centro de Cultura e Desporto de S. João da Madeira, Associação de Jovens Ecos Urbanos, Associação É Bom Viver, Associação Amigos das Danças, Associação de Bailado Liliana Leite, Armazém 4 e diversos técnicos e professores, de forma voluntária.

Empenho de centenas de pessoas

Sandra Oliveira assume que a concretização “deste sonho só foi possível, sem dúvida, com o apoio incansável, disponibilidade constante, muitas horas de trabalho extra e perseverança de todos os intervenientes”. A psicóloga reforça que as “verdadeiras estrelas” foram os grandes responsáveis pelo “sucesso do espectáculo”, uma vez que “foram todos artistas presentes em palco, que com as suas diversidades mostraram que a magia é possível”. Quanto ao sucesso da iniciativa, garante que o mesmo se deve à “diversidade e ao dinamismo e empenho das centenas de intervenientes”(cerca de 300 em backstage).
De alma cheia, Sandra Oliveira não escondia a felicidade pelos sorrisos que encontrou no passado domingo, garantindo que “conseguimos mais um passo na promoção da desmistificação da deficiência, na valorização da diferença e no acolhimento da diversidade: diversidade de idades, diversidade de entidades, diversidade de personalidades e uma diversidade mágica de formas de apresentação do movimento”, concluiu a psicóloga.
A CERCI foi fundada a 11 de Dezembro de 1979, com o objectivo de promover o desenvolvimento social, familiar e profissional de pessoas portadoras de deficiência e incapacidades. Quem ali entra, rapidamente se fascina com o carinho dos funcionários, que dão muito de si diariamente, pois lidam com a exigência de cada caso, sempre com um enorme sorriso.
Com instalações na Rua da Mourisca, a CERCI tem, neste momento, cerca de 70 clientes, distribuídos pelas quatro respostas sociais: centro de actividades ocupacionais, centro de actividades de tempos livres, formação profissional e lar residencial.
Recorde-se que o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência é comemorado desde 1998 e tem como principal objetivo “a motivação para uma maior compreensão dos assuntos relativos à deficiência e a mobilização para a defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar destas pessoas”.
A receita do espectáculo reverteu a favor da CERCI sanjoanense.

Comentar

Anónimo