Fotografias estão em exposição no centro comercial 8ª Avenida
Calendário solidário une CERCI e Ani São-João
07-12-2017 | por Joana Gomes Costa
«Cão. Inclusão. Acção» é o nome da exposição que apresenta as fotografias que compõem o calendário solidário que consolida os laços que há muito já ligam a Ani São-João e a CERCI de S. João da Madeira. A exposição está patente no centro comercial 8ª Avenida até dia 11 de Dezembro, sendo que a receita da venda do calendário reverte para a Associação dos Amigos dos Animais de São João da Madeira.
Estatísticas

425 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar
Mais fotos

O laço social entre estas duas instituições sanjoanenses foi estabelecido já há alguns anos, sendo que ocasionalmente é promovida a interacção entre animais albergados na Ani São-João (Associação dos Amigos dos Animais de São João da Madeira) e os utentes da CERCI de S. João da Madeira, seja com visitas à instituição ou passeios com os animais.
Este ano, o vínculo entre as duas instituições foi estreitado através da elaboração de um calendário solidário com fotos que «evidenciam a simbiose perfeita entre o animal e o cidadão portador de deficiência», projecto que deu origem à exposição «Cão. Inclusão. Acção», inaugurada no passado dia 30 de Novembro, no Centro Comercial 8ª Avenida (piso 0, junto ao playground infantil), em S. João da Madeira.
O objectivo desta exposição, que estará patente até dia 11 de Dezembro, passa por mostrar à população em geral o processo de produção deste projecto, «como meio de promoção da inclusão social e sensibilização para a solidariedade conjunta».

Exemplo de  sinergia entre  instituições

Presente no momento de inauguração da exposição, o presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Jorge Sequeira, deu os parabéns às duas instituições envolvidas nesta iniciativa. Lembrando que “queremos ser uma cidade inclusiva”, o autarca sublinha que este calendário solidário “orienta para os valores da protecção dos animais e inclusão social”.
Apontando este projecto como um exemplo das “sinergias” que podem ser criadas entre instituições, Raquel Gomes de Pinho, voluntária da Ani São-João, avançou que a CERCI “abdicou da sua parte dos fundos” resultantes da venda do calendário, “como forma de ajudar a Ani”, instituição para a qual irá reverter a totalidade da receita angariada.
Também António Cunha, presidente da CERCI de S. João da Madeira, considera que este projecto pode “dar o exemplo às associações sanjoanenses para se ajudarem”.
Na inauguração da exposição marcaram presença também utentes da CERCI que participaram neste projecto e respectivas famílias. Em conversa com os jornalistas, Rita Sol, irmã de Cláudia Sol, uma das utentes que protagonistas do calendário, partilhou a felicidade da irmã, não só pela participação em todo o projecto, mas também por se reconhecer na fotografia. Considera este como um “projecto interessantíssimo” que promove “a inclusão” através da interacção com os animais que já permitiu eu a sua irmã começasse “a perder o medo que tinha dos animais”, aproximando-se mais e com maior confiança.

Um projecto  solidário em toda a sua dimensão
 
Para a «logística de preparação deste calendário» que a organização reconhecer ter sido «muito exigente», as duas instituições contaram com o trabalho de profissionais reconhecidos nas suas áreas, como o fotógrafo Zé Pedro Durão e a maquilhadora Vanda Novo.
A edição fotográfica e ilustração digital estiveram a cargo de Ana Hoo, através do apoio da Junta de Freguesia de S. João da Madeira, parceira nesta iniciativa.
A contextualização dos temas mensais com o tema global da inclusão foi conseguida através da redacção de frases de motivação e promoção da solidariedade social por Raquel Gomes de Pinho, voluntária da Ani São-João.
A conceptualização deste trabalho esteve a cargo de Dulce Santos, Directora Técnica da CERCI SJM, em representação desta cooperativa, e de Raquel Gomes de Pinho, em representação da Ani São-João.

 

O Calendário
Neste calendário solidário, a Ani São-João e a CERCI propõem uma viagem conjunta pelos 12 meses de 2018, conhecendo «os Reis Magos em Janeiro, os casais de namorados em Fevereiro, a mostra da paternidade em Março, os comandantes de Abril, a nossa forma de ver o amor de mãe em Maio, as crianças em Junho, a nossa festa inclusiva de Julho, a nossa viagem de Agosto, o milho-rei em Setembro, as folhas de Outono caídas em Outubro, o São Martinho em Novembro e a nossa ceia de Natal em Dezembro». Em cada foto, os protagonistas são os utentes da CERCI SJM e os animais para adopção que se encontram albergados na Ani São-João, que recriam as características de cada mês, acompanhando sempre um pequeno texto que remete para o cenário representado.
O calendário tem o preço de 5 euros e estão à venda na Junta de Freguesia de S. João da Madeira, na CERCI SJM, na Clínica Veterinária São João e na ZooFeira, a loja de animais junto à exposição no centro comercial.

As duas instituições
A Ani São-João, a Associação dos Amigos dos Animais de S. João da Madeira, é uma associação sem fins lucrativos criada em Junho de 2009, e conta já com vários anos de experiência no resgate de animais abandonados e maltratados, na prestação dos cuidados de saúde dos mesmos, no controlo da natalidade dos animais de companhia através da prática da esterilização / castração, na sua alimentação e divulgação para adopção, conferindo-lhes assim uma segunda, terceira, quarta... oportunidade(s) de vida, contrariando as práticas municipais de abate destes animais.
A CERCI de S. João da Madeira é uma cooperativa de solidariedade social que promove o respeito, a solidariedade e a inclusão dos cidadãos portadores de deficiência, oferecendo respostas adequadas e necessárias ao desenvolvimento das crianças, jovens e adultos com deficiência, bem como apoiando e promovendo de forma diversificada a sua inserção na sociedade.

II Mercadinho de Natal Solidário
Entre os dias 8 e 10 de Dezembro, os «Amigos dos Patudos» promovem o II Mercadinho de Natal Solidário, cujas receitas reverterão na íntegra para os animais de rua, animais abandonados e negligenciados.
O Mercadinho realiza-se na loja n.º 14 da Rua de Santo António, em S. João da Madeira junto à Capela de Santo António, em instalações cedidas pela Creche Albino Dias Fontes Garcia. Vai funcionar nos períodos das 10h00 às 13h00, e das 15h00 às 22h00.
Doces ou peças de artesanato são só dois exemplos das prendas solidárias que poderá encontrar no Mercadinho de Natal.

 

Comentar

Anónimo