Futebol
Campeonato da 1.ª Divisão Distrital
Resultado injusto para o Macieirense
09-11-2017 | por Paulo Rui

O Macieirense falhou na finalização, acabando por perder em casa
Estatísticas

112 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Macieirense, 1 - Fermentelos, 3
Campo do Viso em Macieira de Sarnes
 Árbitro: Hélder Resende auxiliado por Bruno Moreira e Fábio Silva
 
Macieirense: Cris, Rosas, Xavi (Leitinho 78’), Beto, Tiago, Abel, Higuito (João Luís 51’), Lúcio (Talhas 50’), Roma, Rúben e Dani Alves
Treinador: Borges
 
Fermentelos: Nuno, Rafa, Leo, Luisão, Cotonete, Gonçalo, Batista (Ramon 87’), Oliveira (João Paulo 66’), Ladeiro (Couto 78’), Hugo e Mendonça
Treinador: Vítor Rita
 
Disciplina: cartão amarelo para Xavi (35’), Cotonete (36’ e 89’), Rafa (42’), Gonçalo (58’), Mendonça (64’), Luisão (68’) e João Paulo (90’+5’); cartão vermelho para Cotonete (89’)
 Marcadores: Oliveira (29’), Mendonça (46’ e 84’) e João Luís (52’)
O Macieirense, que vinha de três triunfos consecutivos, acabou por perder em casa diante do Fermentelos, algo que já não acontecia desde o passado mês de Janeiro.
Os primeiros minutos mostraram duas equipas a lutar muito pela posse de bola, a procurar dar poucos espaços ao seu adversário. Todavia, a formação de Macieira de Sarnes, com um futebol mais rápido e uma grande pressão, demonstrou mais vontade em marcar primeiro.
Aos 18 minutos, Abel cruzou para Rosas que, sozinho ao segundo poste, cabeceou por cima da baliza forasteira.
Sem nada o fazer prever, os visitantes, à passagem do minuto 29, adiantaram-se no marcador, na sequência de um grande golo de Oliveira, que, de fora da área, atirou forte sem hipóteses de defesa para Cris. Passados 372 minutos, o Macieirense voltou a sofrer um golo.
A partir daqui, a partida perdeu qualidade e os locais sentiram dificuldades em voltar a mostrar a superioridade exibida até então.
Perto do intervalo, Mendonça rematou cruzado para uma boa intervenção de Cris.
O segundo tempo não podia ter começado pior para o Macieirense, já que o Fermentelos aumentou a sua vantagem, por intermédio de Mendonça.
A equipa orientada por Borges respondeu de imediato, primeiro, por Roma, que atirou muito perto do travessão e, pouco depois, João Luís, na marcação de um canto, beneficiou de um ligeiro desvio num adversário para reduzir para 1-2.
O Macieirense ganhou ânimo com o golo e partiu em busca do empate, enquanto que o Fermentelos procurou fechar o caminho para a sua baliza, saindo apenas em contra ataque.
Aos 66 minutos, Tiago, ao efetuar um cruzamento, acabou por ter um momento de enorme infelicidade, visto que o esférico embateu na trave e, de seguida, no poste. Logo a seguir, Roma cruzou de trivela para um desvio de João Luís, que não acertou no alvo.
Numa altura em que os locais apostavam tudo no ataque, os visitantes voltaram a marcar, novamente por intermédio de Mendonça, acabando com as dúvidas sobre o vencedor deste jogo.
Perto do minuto 90, Luisão ainda atirou forte ao poste, porém, o marcador não sofreu mais nenhuma alteração.
Apesar de não ter feito uma exibição brilhante, o Macieirense mereceu, claramente, um resultado diferente, valendo ao Fermentelos um bom nível de eficácia.
No próximo domingo, o clube de Macieira de Sarnes desloca-se ao sempre difícil reduto do Mourisquense.

 

Comentar

Anónimo