Voleibol
APROJ em campo com vários escalões
09-11-2017
Estatísticas

120 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Este fim de semana foi cheio e bastante positivo para a APROJ, com quatro escalões em acção, de minis a juniores.
No sábado, o escalão de cadetes recebeu e derrotou a sua congénere do clube Toda a Prova, pela margem máxima de 3-0. Logo após esse jogo, foi a vez do escalão de juniores aplicar o mesmo resultado na equipa visitante, o Real Clube Senhorense. O dia seguinte começou em festa, com a estreia do escalão de minis no torneio de Natal da AVP, onde alcançaram um honroso sétimo lugar. Finalmente, foi a vez das iniciadas entrarem em acção, recebendo em casa a equipa do SC Espinho B, tendo sofrido uma derrota por 3-1.
No embate entre a APROJ e o toda-a-prova, foi notório o equilíbrio entre as equipas ao longo dos três sets, marcados por um embate muito renhido em que ambas as equipas lutaram por todos os pontos, mas em que a equipa sanjoanense acabaria por ser superior na recta final dos mesmos. Os parciais foram os seguintes: 25-22, 25-21, 28-26.
No escalão de juniores, a equipa entrou demasiado apática, deixando o adversário tomar controlo do jogo e permitindo que a equipa de Senhora da Hora se adiantasse no marcador. Ainda assim, acabaria por vencer o primeiro set pela margem mínima de  26-24. A APROJ foi melhorando a sua performance gradualmente, vencendo o segundo set por 25-18 e o terceiro set por 25-7. Apenas neste set final a equipa da casa mostrou o seu verdadeiro potencial, não dando hipótese ao adversário com um serviço e ataque forte.
Domingo, na estreia do escalão de minis foi notório o nervosismo das atletas que agora se estrearam na modalidade. Visível foi também a alegria e felicidade de todas elas ao longo do torneio. À medida que o nervosismo desvaneceu, foram-se vendo bons pormenores por parte da equipa sanjoanense que mostrou que tem muito potencial para ser trabalhado. Num pavilhão cheio, com 10 equipas a participar, a turma sanjoanense alcançou o 7.º lugar.
Finalmente no escalão de iniciadas, na derrota por 3-1, com os parciais de 9-25, 25-22, 16-25, 13-25, foi notória a entrada passiva da equipa, que cometeu demasiados erros. No segundo set, e decididas a virar o resultado, a equipa mostrou outra atitude, que se prolongou por todo o jogo. Ainda assim, a equipa de Espinho mostrou mais experiência e justificou a vitória, cometendo menos erros que a turma da casa.
A APROJ agradece a todos os pais, família, público e simpatizantes que apoiam a associação jogo após jogo, de forma incansável.

Comentar

Anónimo