CCD venceu prova em casa
Mais de uma centena de damistas reunidos em S. João da Madeira
13-10-2017
Estatísticas

259 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Mais de uma centena de damistas marcaram presença, no passado sábado, dia 7, no XXIII Open Nacional de Damas Cidade de S. João da Madeira, naquele que é o maior torneio de Damas de Portugal, em participantes e em prémios. O CCD de S. João da Madeira venceu em casa na classificação por equipas, enquanto que Nuno Vieira (Clube Ramiro José de Lisboa) foi o vencedor individual.
Neste torneio, que se realiza sempre por altura das Comemorações da Emancipação Concelhia de S. João da Madeira, participaram 105 damistas de várias regiões de Portugal, em representação de 18 equipas. Jogando em casa, o CCD de S. João da Madeira alinhou com três equipas, garantindo a liderança do pódio na classificação colectiva.
Por equipas, o CCD de S. João da Madeira A foi o primeiro classificado, seguido do Vai Avante S. Pedro da Cova em segundo e o Ramiro José de Lisboa em terceiro.
Na classificação individual, Nuno Vieira (Clube Ramiro José de Lisboa) foi o vencedor, sendo que Fernando Gonçalves (Vai Avante S. Pedro da Cova) foi segundo e Joaquim Silva – Pardal (CCD de S. João da Madeira) terceiro.
No campeonato destinado aos jovens damistas, disputado por 15 jogadores, Bruno Fernandes foi o primeiro classificado. Adelaide Coelho, damista sanjoanense, foi a mais bem classificada entre as senhoras em prova.
Na classificação final lê-se que pelo CCD de S. João da Madeira alinharam: na equipa A os damistas Joaquim Silva – Pardal, Justino Miguel, Manuel Cardoso e Tiago Manuel; na B os jogadores José Dias Pereira, António Augusto, Deolindo Silva e Pedro Pereira; e na C, João Carlos Silva, Manuel Amorim, Alfredo Morgado e Leonísio Martins. S. João da Madeira esteve ainda representada pela equipa Café Paris Tropical, que se classificou em 15.º, com Michel Coelho, Augusto Pinto, Joaquim P. Silva e Carlos Alberto Silva. Da região esteve também em prova a equipa Café Cruzeiro de Fajões, com os damistas Carlos Bastos, Fernando Pais, António Almeida e Fernando Gomes.
Tal como é habitual, no final foram entregues taças e prémios a todas as equipas e participantes, apostando nos produtos da região. A organização do Open Nacional de Damas Cidade de S. João da Madeira agradece à Câmara Municipal, Junta de Freguesia e a todas as empresas que contribuíram na angariação dos prémios a atribuir, ciente de que o sucesso da prova resulta dos apoios conseguidos.
Na recta final da presente época, o CCD de S. João da Madeira está ainda a disputar a Taça de Portugal 2017, contando também com cinco damistas apurados entre os 20 melhores que vão discutir o apuramento do título de campeão nacional.

Comentar

Anónimo