Pretende contratar um crédito à habitação? Faça várias simulações antes de contratar.
06-10-2017 | por Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor - DECO
Estatísticas

115 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

A compra de uma casa é uma decisão muito importante, não só pelo montante envolvido, mas também pelo longo período que vai ter para amortizar a dívida e que em regra se situa entre 30 e 40 anos.
Antes de mais, deverá avaliar o impacto do encargo mensal associado ao crédito no seu orçamento familiar. As prestações de crédito não deverão representar mais de 35% do rendimento líquido da família.
Se a sua decisão é comprar casa própria, deverá ter em atenção que atualmente os bancos não financiam a 100%. O montante a financiar rondará cerca de 80% do valor da avaliação do imóvel. Assim, se vai dar esse passo com recurso a crédito bancário, existe desde logo um pressuposto prévio que deverá considerar: a existência de uma poupança. Mas não só, há que contar com outras despesas associadas ao pedido de crédito.
Na contratação do crédito, terá ainda de escolher entre a taxa de juro fixa ou variável. Se optar por uma taxa de juro fixa, esta vigorará ao longo do prazo do empréstimo e deverá ser mais elevada do que a taxa de juro variável. Se decidir por uma taxa variável, esta alterar-se-á de acordo com a periodicidade do indexante que ficar definido, por exemplo de 12 em 12 meses, e poderá subir ou descer em função da evolução deste indexante. Em rigor, só no fim do contrato de empréstimo se poderá avaliar qual seria a melhor opção, que dependerá da expectativa sobre a evolução futura das taxas de juro.
Haverá ainda que atender ao spread, ou seja, a “margem de lucro” do banco. O spread é definido pelo banco caso a caso e dependerá, por exemplo, do risco associado ao crédito e do montante do empréstimo face ao valor do imóvel.
Antes de tomar qualquer decisão, deverá fazer várias simulações em diferentes bancos. O Gabinete de Proteção Financeira da DECO poderá ajudá-lo a avaliar a melhor solução para o seu caso. Contacte-nos através do email deco.norte@deco.pt, do telefone 22 339 19 61 ou presencialmente na R. da Torrinha, n.º 228 H – 5.º, 4050-610 Porto. Visite a página www.gasdeco.net



 

Comentar

Anónimo