Escritor sanjoanense Marco Oliveira em entrevista
“Não pode haver maior alegria para um escritor do que ver as suas histórias fazerem parte do imaginário das pessoas”
Foi na Biblioteca Municipal de S. João da Madeira que leu os primeiros livros quando tinha apenas 8 anos. Marco Oliveira, escritor, apresentou, na passada semana, o seu primeiro livro «Breves Contos Modernos», na Biblioteca, local onde leu muitos livros que mudaram definitivamente a sua vida. Influenciado pela cultura da cidade, sente o dever de dar à comunidade o melhor que dela aprendeu. Esta primeira obra do também docente resume-se em 33 contos “simbólicos”, histórias que retratam “sinais dos tempos”, ou mesmo situações do dia a dia que entende ser urgente pensar e mudar e dirige-se a todos os leitores “livres e de bons costumes”. Aos 40 anos, tem uma certeza: a cidade sabe receber os seus escritores e somos os livros que “cada um lê”.
Tempo
Farmácias de Serviço
Edição Impressa
Publicidade
Classificados
Apartamentos
Vende-se Apartamentos em construção Entrada de Nogueira do Cravo 9...
Venda
Escritórios
Aluga-se para Escritórios ou outros Entre frente ao CTT de Olive...
Venda