Na tarde do dia 16 de Maio
Conselho de Cidade reuniu pela primeira vez
18-05-2017 | por Joana Gomes Costa
Estatísticas

205 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Neste 16 de Maio, decorreu a primeira reunião de instalação do Conselho de Cidade, o órgão consultivo que deverá apoiar o presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira nas “decisões estratégicas”. Criado com inspiração no Conselho de Estado que apoia o Presidente da República, o Conselho de Cidade é composto pelos seguintes membros: presidentes da Assembleia Municipal e Junta de Freguesia; presidentes da Câmara precedentes; deputados de S. João da Madeira na Assembleia da República; cinco cidadãos designados pela presidente da autarquia; um elemento de cada grupo municipal com assento na Assembleia Municipal; podendo ainda participar, por convite, entidades cuja presença seja considerada útil.
Na sessão solene do 16 de Maio, o presidente da Câmara, Ricardo Figueiredo, deixou uma “saudação especial aos conselheiros de cidade”, lembrando que a criação deste órgão partiu da sua iniciativa. Afiançando que os elementos deste órgão consultivo são “bairristas e adeptos da cidade”, o autarca explicou que nesta primeira reunião de instalação, foram definidas “as políticas, competências e objectivos” do Conselho de Cidade que “visa prestar apoio e suporte às decisões do presidente da Câmara”.
Ricardo Figueiredo deixou votos que todos os futuros autarcas que venham a liderar os destinos do município de S. João da Madeira recorram ao Conselho de Cidade “até ao fim dos tempos para a sua tomada de posições estratégicas”.
Entre as atribuições deste órgão e as decisões em que deverá ser consultado está, como deu como exemplo Ricardo Figueiredo, a “escolha de cidadãos sanjoanenses” que devem ser homenageados com distinções honoríficas como as medalhas de mérito municipal.

Comentar

Anónimo