Andebol
Sénior - 2.ª Divisão Nacional - Fase Final
Vitória importante no reduto do CDE Camões
18-05-2017 | por Diogo Pardal
Estatísticas

88 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

CDE Camões, 28 - AD Sanjoanense, 32

AD Sanjoanense: Ricardo Gaspar (gr), Magnol Suarez (gr), Mário Lopes (2), João Pinhal, Xavier Costa (2), Ruben Oliveira (1), Ricardo Pinho (6), Emanuel Silva (1), Pedro Amorim, Rui Rodrigues (6), Alexandre Relvas (6), Bruno Pinho (1), Eduardo Pereira, Pedro Garcia (5), António Brandão, Tiago Arrojado (2)


A AD Sanjoanense venceu no Pavilhão Moniz Pereira a formação do CDE Camões no passado sábado por 28-32, em jogo a contar para a 8ª jornada da fase final da 2ª Divisão Nacional. Com esta vitória, os alvinegros continuam a depender de si próprios para alcançar o sonho da subida, mas para isso é necessário vencer de igual forma as formações do Xico Andebol e São Bernardo, próximos dois e últimos adversários da época.
Depois de uma grande vitória conseguida na jornada anterior na recepção ao Vitória FC (28-23), a AD Sanjoanense entrou bem e confiante no jogo, e a meio da primeira parte já vencia por nove golos de diferença. A equipa da casa procurou naturalmente reagir, e gradualmente foi diminuindo a desvantagem, pelo que ao intervalo apenas perdia por três tentos de diferença (16-19). Depois de uma entrada alvinegra a fazer lembrar as exibições da primeira fase, o Camões conseguiu minimizar os danos, perspetivando-se uma segunda parte com a equipa da casa a tentar aproximar-se ainda mais no marcador.  
Mas na etapa complementar a vitória iminente da formação alvinegra nunca foi realmente ameaçada, e no fim a vantagem acabou por ser ampliada para quatro golos de diferença (28-32), traduzindo-se num triunfo justo e que abre boas perspetivas para as próximas duas partidas que se avizinham.
Na próxima jornada, a AD Sanjoanense desloca-se ao reduto do Xico Andebol (equipa que venceu nas Travessas na primeira volta por 29-30 e que tem os mesmos 17 pontos dos comandados de Nuno Baptista), com o jogo a realizar-se no sábado pelas 18 horas.

 

Palavras do técnico Nuno Baptista

“Era mais uma final, mais um jogo decisivo, como têm sido os últimos e como vão ser os próximos. Entrámos muito bem no jogo, sensivelmente a meio da primeira parte tínhamos uma vantagem de 9 golos, que demonstra bem que entrámos a todo o gás, algo que surpreendeu o Camões. A partir desses 15 minutos, também houve uma reação natural do adversário, que foi recuperando aos poucos, com jogadores muito experientes, mas a verdade é que estivemos sempre à frente no marcador, o que nos deu alguma tranquilidade.”

Comentar

Anónimo