1.º Domingo de Maio
Dia da Mãe
04-05-2017 | por M.I.
Estatísticas

535 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Dia da Mãe deviam ser (e são) todos os dias.
Todos os dias as Mães se afadigam para cuidar dos seus filhos, nunca recusando nem trabalhos nem sacrifícios.
Em troca nada mais pedem que o reconhecimento dos filhos, que os leva a prodigalizar-lhes momentos de ternura, de afectos, de carinho.
Infelizmente vemos que não é assim que muitos se comportam dando às Mães motivos de desgosto, motivo para que o coração angustiado se pronuncie com as lágrimas que deviam envergonhar os filhos.
Para trazer à lembrança as razões do amor filial, muitas vezes esquecido, é que foi instituído o Dia da Mãe, a celebrar no 1.º domingo de Maio.
Ao menos neste dia estejamos presentes com o nosso amor agradecido e levemos às Mães o carinho que merecem.
Ter Mãe é a maior das bênçãos que Deus nos pode dar.
E se ela já partiu, a sentar-se à direita de Deus, ergamos os nossos olhos ao Céu e digamos-lhe que ainda a amamos e que transmitimos a sua memória aos netos que já viu na terra.
Com o coração em festa, peçamos-lhe afetuosamente:
- A sua bênção, Mãe!
 

 

Comentar

Anónimo